(11) 3081-1283

História

A Associação dos Antigos Alunos foi fundada em 26 de março de 1930, com a finalidade de aproximar intelectual e socialmente todos os alunos diplomados pela Faculdade de Medicina, mantendo o interesse pelo desenvolvimento e progresso desse estabelecimento de Ensino.

Um grupo de antigos alunos, entre eles Ernesto de Souza Campos, Antonio de Almeida Filho, Menotti Sainati, Felício Cintra do Prado, José de Almeida Camargo, Potyguar Medeiros, João Alves Meira e outros tiveram como fonte inspiradora a revista de Medicina e, apoiados pelo Centro Acadêmico Oswaldo Cruz, fundaram a Associação dos Antigos Alunos.

Já no primeiro ano de funcionamento, por sugestão de Alberto Nupieri, foi instituída a Associação Paulista de Medicina (APM) que foi estabelecida em 29 de novembro de 1930, tendo como seu primeiro presidente o Prof. Rubião Meira. A primeira sede se localizava na Av. Brigadeiro Tobias, 42 e em novembro de 1938 se transferiu para a Av. Brigadeiro Luiz Antonio, 393.

A sede atual da APM está situada na Av. Brigadeiro Luiz Antonio, 278, em terreno doado pelo interventor Fernando Costa e a inauguração da sede definitiva ocorreu em 1950 sob a presidência do Prof. Jairo Ramos, com a colaboração financeira de sócios que se tornaram remidos.

Em 15 de março de 1931 foi inaugurado o edifício monumental da Faculdade de Medicina, nos campos do Araçá, tendo recebido nesse ato o busto de Arnaldo Vieira de Carvalho, diretor da Faculdade de Medicina desde sua fundação, em 1912, que havia falecido em 5 de junho de 1920. Passou a ser chamada “A Casa de Arnaldo”, onde hoje, no 2º andar, sala 2306, funciona a Associação dos Antigos Alunos.

No dia 01 de março de 1986, no prédio da Faculdade à Av. Dr. Arnaldo, 455, com a presença do Dr. Fernando Proença de Gouvêa, presidente da Associação dos Antigos Alunos, e Luiz Baccalá, 1º Tesoureiro, foi instituída a Fundação Faculdade de Medicina, com o objetivo de desenvolver as ciências médicas, preservar os valores históricos e o patrimônio da Faculdade de Medicina. 

No ato foi repassada a quantia de CrZ$100.000,00 (cem mil cruzados) à Fundação conforme depósito na Caixa Econômica Federal, agência nº 288 em caderneta de poupança nº 00118033-5 e aprovou-se o “Estatuto da Fundação Faculdade de Medicina” (FFM), hoje com sede definitiva à Av. Rebouças, 381.

Na Diretoria do Prof. Marcello Marcondes Machado, foi adquirida uma área de 46.130 m² com área constituída de 6800 m², construção de Ramos de Azevedo de alto padrão para a época.

Assim a FFM aumentou o seu patrimônio e servirá de expansão para a Faculdade de Medicina.